segunda-feira, janeiro 04, 2016

Assim começou 2016

Foi com uma caminhada nocturna a solo na Serra da Gardunha, entre Alpedrinha e Alcongosta, com uma chuvinha miudinha a desencorajar o passo lento e um nevoeiro cerrado que tornava a noite ainda mais escura, que comecei o ano de 2016.

À chegada a Alcongosta, com a luz do dia a despertar finalmente, soube bem a paragem obrigatória no centro da aldeia, no estabelecimento do Sr Luís, para descansar um pouco e beber um café, isto enquanto aguardava pelo grupo que se haveria de juntar a mim para o regresso a Alpedrinha.


A palavra "Gardunha" foi a que mais usei no Facebook em 2015. Nada mais justo que seja ela também a primeira protagonista de 2016.



Início do percurso em Alpedrinha, aqui na subida junto ao Palácio do Picadeiro


A sombra do caminheiro, projectada pela iluminação do Palácio do Picadeiro.


Pela calçada antiga, junto à capela de S.Sebastião, já na saída da vila.


Na Gardunha, foi sempre à luz da lanterna, demasiado curta no seu alcance devido à chuvinha e ao nevoeiro.


Chegada a Alcongosta, já com a luz da aurora.


Regresso a Alpedrinha, agora já com companhia.


As sinuosidades da Via Antiga. Romana, medieval ou moderna, que interessa? É um dos percursos mais bonitos da Gardunha.


Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...