terça-feira, fevereiro 21, 2012

OUVIR E FALAR - Ciclo de Tertúlias pela Democracia e Cidadania

TERTÚLIA AO AR LIVRE.

A ideia é tão simples que dá ares de complicada.

Primeiro estranha-se, depois entranha-se.

A Pegada, com o apoio do Blog do Katano, vai organizar um ciclo de tertúlias "OUVIR E FALAR" ao ar livre.
As regras são tão simples que, praticamente, não existem. Resumem-se a "OUVIR E FALAR". DEMOCRACIA, LIBERDADE, CIDADANIA. Passar das conversas de café para uma, espera-se, grande conversa de RUA. Um grupo de amigos (e de amigos de amigos) que se reúne, numa Praça, em várias Praças, para conversar. Sobre o que nos atenta. Sobre o que não mata mas mói. Pisa, mastiga, importuna, cansa. E -- também os ditos se renovam -- mata!

Não temos partido, mas tomamos partido.

A primeira Praça a receber-nos será, assim tudo corra bem, no Fundão. Seremos dez, seremos cem, seremos duzentos. Pouco importa. Acima de tudo, seremos.
Estamos indignados, mas não somos indignados.
Este grupo recém-criado no facebook servirá, acima de tudo, como uma pré-tertúlia. Uma preparação para uma data já definida mas cujo anúncio concreto reservaremos para daqui a alguns dias (não se trata de fazer render o peixe, trata-se apenas de acertar tudo para que, a falhar alguma coisa, não falhe a organização de algo que vai exigir muito de cada um dos que avançaram com a ideia).

Em suma, e tudo se resume ao dito no início.

OUVIR E FALAR.

Um dia destes, no Fundão.

Haverá melhor sítio em Portugal para uma iniciativa deste género? Honremos esta terra e com ela honramos Portugal.
Não somos pioneiros, já alguém por aqui fez algo de semelhante. A seu tempo, lembraremos o seu nome aos mais esquecidos.

Terminamos com quem sabe, parece que era grego (sim, dessa mesma Grécia de XXI):

Platão, República, Livro VII
"Que estranha cena descreves e que estranhos prisioneiros. São iguais a nós"

OUVIR E FALAR.

Post scritum para quem estiver interessado em saltar do banco do café: clique aqui e, no canto superior direito, peça para aderir ao grupo; o pedido será certamente correspondido.


Texto de Rogério Costa Pereira - Pegada

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...