terça-feira, setembro 14, 2010

Mariano Gago recebe medalha por fazer de Portugal o país com o Ensino mais caro da Europa


Tenho pela figura do Sr. Dr. Mariano Gago, Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, uma profunda admiração cuja génese remonta ao ano de 1999, quando este era apenas Ministro da Ciência e Tecnologia. Nessa altura, sossegando os temores públicos relativos ao famoso Bug do Milénio (lembram-se do Y2K?), anunciou que o Governo estava mais que preparado uma vez que, os seus sistemas, estavam dotados dos mais recentes anti-vírus.

Embora tal declaração seja equivalente a um indivíduo, sedentário e obeso, demonstrar a sua despreocupação perante um eventual ataque cardíaco, pelos simples facto de estar vacinado contra gripe, passei a admirar Mariano Gago a partir daí e muito mais a partir do momento em que, já mais recentemente, o mesmo Mariano Gago, numa conferência realizada em Madrid, defendeu que a pirataria informática era uma fonte de progresso e globalização, o que equivale a dizer que os grupos organizados da Cova da Moura ou de Chelas ajudam à circulação de capitais, ajudando assim a manter a dinâmica da economia nacional.

Esta manhã, nada indiferentes aos méritos de Mariano Gago, um grupo de jovens estudantes da ESMAE tomou conta do palco, durante a cerimónia de abertura do ano lectivo do Ensino Superior Politécnico no ISEP, para agraciar o Ministro com uma medalha "por ter feito com que Portugal seja o país da Europa que faz com que as famílias mais gastem com o Ensino". A simpática iniciativa mereceu o aplauso de todo o auditório e merece aqui ser revista:



Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...