quinta-feira, abril 01, 2010

1º de Abril, Dia das Mentiras

Cossacos Zaporozhtsi escrevendo uma carta de escárnio ao sultão turco
Repin 1880


Continuo sem compreender esta institucionalização do chamado Dia das Mentiras. Em definitivo, este frenesim que se apodera das pessoas nesta data e que as leva a inventar histórias para enganar o próximo é algo que me escapa.

Já agora, não consigo deixar de pensar, numa altura em que se fala tanto disso, se não estará implícito nesta forma de agir um sentimento semelhante ao que leva à ocorrência do fenómeno de Bullying. Não se trata, ao fim e ao cabo, de procurar fragilizar ou submeter alguém ao ridículo para obter auto-satisfação?

Também há um episódio que presenciei, no início dos anos 1990, que não consigo deixar de evocar e que mostra bem as trágicas consequências que o Dia das Mentiras pode acarretar.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...