sexta-feira, fevereiro 20, 2009

E quanto aos espectadores dos eventos... desportivos?

Ao fazer um comentário de resposta ao camarada Varela no artigo em que questionei quais serão os motivos que levam as provas automóveis a serem consideradas desporto, abordei a questão da saúde dos espectadores dessas mesmas provas. 

Também me custa a compreender o entusiasmo despertado pelo facto de se estar numa posição privilegiada onde o Oxigénio é menos abundante que o Monóxido de Carbono, onde a poeira tem tendência a meter-se por tudo o que é roupa, olhos e vias respiratórias (será que os adeptos ferrenhos podem morrer de silicose?) e onde o nível de ruído é semelhante ao de uma indústria metalúrgica, que emprega apenas anarquistas, em pleno horário laboral. Isto claro, quando não levam com uma viatura em cima e que me leva a perguntar, quem sofre mais lesões: os condutores ou os espectadores.

Acerca disto, não posso deixar de relembrar um sketch dos Gato Fedorento em que a temática é é mesmo essa: a dos adeptos de provas automobilísticas. Está lá tudo: os carros, a areia, o barulho... Vale a pena (re)ver.


Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...