quarta-feira, janeiro 03, 2007

Adeus Rua da Cale - II


Depois do último post sobre o tema, recebi uma missiva de protesto por parte da comissão de moradores e comerciantes da Baixa Cale reclamando do facto de estar a passar uma imagem muito negativa da rua e, como tal, estar a inibir o crescimento da sua densidade populacional e actividade comercial. Estranho foi também receber uma missiva da comissão de moradores e comerciantes de Alta Cale a protestar contra o facto de estarmos a aceitar missivas remetidas pela comissão de moradores e comerciantes da Baixa Cale.

Seja como e como não nos interessa minimamente prejudicar seja quem for (a não ser que se trate de um qualquer indivíduo microcéfalo que amíude tem dificuldades em demonstrar o seu carinho pela namorada de outra que forma que não seja pelo contacto brusco de uma mão fechada no queixo da dita cuja e possuídor de um canídeo não claustrofóbico com uma necessidade pertinente de brincadeira), o Blog do Katano declara ter o maior prazer em aqui apresentar um instantâneo que, qual verdadeiro postal a roçar a obra de arte, proclama bem alto o encanto dessa artéria mítica.

É de facto um instantâneo do Katano que nos permite observar a Rua da Cale por uma perspectiva diferente!

3 comentários:

Catarina disse...

belo registo 5*! ;) visto assim até parece uma rua sossegada. lol

Anónimo disse...

ISTO É NA NICARÁGUA?

Caetano disse...

Diz que não...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...